Atualizado em 10/6/2019

 

III – SINTOMAS QUE PODEM LEVAR A EMERGÊNCIAS COM AMEAÇA À VIDA

 

Lista de Situações aqui relacionadas:

  • Hemorragias e sangramentos, incluindo boca e fezes
  • Ferimentos e mordidas
  • Problemas respiratórios
  • Fraturas
  • Entorses e distenções
  • Queimaduras
  • Sufocamento
  • Vomitos
  • Convulsões
  • Luxações
  • Afogamento
  • Lesões nos olhos
  • Lesões nos ouvidos
  • Choque elétrico
  • Desmaio, perda de consciência
  • Perda de equilibrio
  • Hipotermia
  • Geladura
  • Insolação
  • Traumas, fraturas, lesões na coluna e pescoço
  • Dificuldade de urinar

 

(material traduzido de http://miamiferret.org/ffaid.htm#redflag)

Hemorragias e sangramentos:

Hemorragias são sempre algo sério e precisam ser investigadas e tratadas imediatamente ! Um furão é um animal de pequeno porte e qualquer perda de sangue pode se tornar fatal devido ao pouco volume de sangue que esses animais tem.

Em qualquer caso LEVE IMEDIATAMENTE AO VETERINÄRIO !

Sangue na boca: Pode ir desde uma mordida na lingua até coisas mais graves, como perfurações nos órgãos tais como pulmões, estômago, etc.

Sangue nas fezes: Igualmente complicado para um leigo avaliar, pode ir desde uma fissura anal até câncer intestinal.

Mordidas de animais e ferimentos profundos:

Limpar a área afetada com água oxigenada se a ferida não for profunda. Hemorragias devem ser estancadas por pressão direta. Levar para avaliação veterinária.

Respiração pesada ou difícil / com som / fluidos / boca aberta:

Levar imediatamente ao veterinário independente da causa !

Fraturas:

Manifestada pela incapacidade de manter a postura normal sem dor, apoiar o peso normalmente ou andar normalmente. O Furão pode vocalizar chorando ou fazendo algum outro som ao ser pego. Pode haver inchaço visível ou interno, com sensibilidade na área afetada. Levar imediatamente ao veterinário.

Entorses e distensões :

Animal relutante em andar ou suportar peso, ou o faz anormalmente ou com dificuldade. Restringir a atividade até que a atenção médica possa ser procurada.

Queimaduras:

Não químicas: aplique compressa de água fria, e depois pomada antibiótica com cuidado ou gel de aloé vera. Se for queimadura química, o mesmo procedimento, mas lave com água fria antes.

Sufocamento, vômito:

Podem ocorrer por múltiplas causas como corpos estranhos no esofago, danos pulmonares, etc. Levar imediatamente ao veterinário.

Convulsões:

Se o furão for capaz de engolir sem se sufocar, tente dar xarope de glicose ou mel (1 a 2 ml). Proteja-o para que não se machuque !

Luxações

De qualquer membro ou articulação: Inchaço no local. Restringir a atividade ou imobilizar com uma toalha e levar ao veterinário.

Afogamento:

Mantenha furões longe da água! Eles só podem nadar por alguns minutos antes de sucumbir à exaustão. A quantidade de cloro normalmente presente nas piscinas pode ser extremamente irritante para os olhos de um furão.

Lesões nos Ouvidos :

Podem variar de mordidas e arranhões a avulsões (arrancamento de tecido). Pequenas feridas podem ser limpas e pomada antibiótica aplicada. Pare o sangramento , se houver, com pressão direta. Nunca insira um cotonete profundamente no canal auditivo, pois pode ocorrer ruptura do tímpano.

Mordida de cabo elétrico / choque :

Queimaduras dos lábios e gengivas podem ser visíveis. O furão pode estar deitado de lado com dificuldade de respirar. A consequência mais comum do choque elétrico é o edema pulmonar (acúmulo de líquido nos pulmões), com consequências potencialmente fatais, mesmo passado algum tempo do acidente. Requer que o animal fique em observação por um veterinário.

Lesões oculares:

Podem incluir arranhões, lesões perfurantes, corpos estranhos, traumas químicos ou contato corneano. Todas as lesões oculares são emergências médicas absolutas.

Desmaio ou perda de equilíbrio :

Manifestado pelo colapso ou  fraqueza generalizada ou restrita aos membros posteriores. Pode ser um problema cardíaco ou metabólico. Tente dar 1-3cc de xarope Karo ou mel, apenas se o furão puder engolir.

Geladura / hipotermia :

Massageie suavemente as extremidades e o corpo. Mantenha o processo de aquecimento gradual. As almofadas de aquecimento podem ser usadas se forem mantidas em “baixo” e a o animal for verificado com freqüência. A descoloração azulada ou preta da pele ou dos membros é muito grave.

Ferimentos na cabeça  :

Se o furão estiver inconsciente ou sangrando pelas orelhas / nariz / boca, mantenha-o na horizontal e imobilizado. Mantenha o movimento a um mínimo absoluto, já que lesões cervicais (pescoço) geralmente ocorrem junto com ferimentos na cabeça; muito movimento pode resultar em lesão permanente ou paralisia.

Requer assistência imediata !

Insolação

Nunca deixe um furão em uma área fechada ao sol sem sombra adequada. Nunca deixe um ferret no carro com as janelas fechadas … mesmo com elas abertas, furões podem superaquecer facilmente. Envolva imediatamente em uma toalha fresca e úmida. Refresque-o com água fria a cada dois minutos. Repita o procedimento até que a temperatura corporal esteja abaixo de 39,5 graus.

Perda de cor das gengivas e nariz:

As gengivas e o nariz devem estar rosados. Gengivas pálidas ou brancas são um problema grave. Pode indicar sangramento ou choque interno. Por outro lado, as gengivas que são vermelhas brilhantes são o sinal de um problema sério, como toxemia (infecção sistêmica avassaladora).

Traumatismos do nariz, face e mandíbula / hemorragias nasais :

Se a hemorragia nasal for menor, aplique pressão direta usando tecido de gaze, etc. Fraturas no nariz, na face e nos maxilares ou ferimentos são graves, e o manuseio deve ser reduzido ao mínimo. Transporte furão para o veterinário envolto em uma toalha.

Lesões na coluna ou nervo:

Os sintomas podem incluir marcha vacilante, sensibilidade, dificuldade em respirar ou incapacidade de mover pernas dianteiras, pernas traseiras ou ambos. Requer assistência imediata !

Inconsciência :

Se possível, anote cuidadosamente para que você possa dizer ao veterinário se o furão está respirando rápida ou lentamente, se as pupilas estão dilatadas ou muito pequenas, se os músculos são flexíveis ou duros e se ele responde a vozes e / ou toques. Requer assistência imediata !

Dificuldades de urinar:

Esforçando-se para urinar, incapacidade de urinar, produzindo pequenas quantidades de urina ou cor anormal na urina. Pode indicar infecção, pedras na bexiga ou obstrução do trato urinário, que podem ser fatais. Requer assistência imediata !